ECONÔMICO E FINANCEIRO

Perfis de investimentos e rentabilidades

Cerca de 95% dos participantes da Visão Prev estão nos planos Visão Multi e Visão Telefônica. Eles podem escolher entre cinco perfis de investimentos para alocação de seus recursos, com diferentes níveis de exposição ao risco: Super Conservador, Conservador, Moderado, Agressivo e Agressivo Renda Fixa Longo Prazo. A definição do perfil é totalmente individual e pode ser alterada nos meses de junho e dezembro, e mais uma vez durante o ano, se desejado.

A possibilidade de escolha permite maior adequação dos investimentos às características, metas e momento de vida de cada participante. Para isso, é preciso entender o funcionamento e os diferenciais das carteiras e refletir sobre expectativas e necessidades pessoais a fim de tomar decisões mais conscientes.

Para contribuir nesse processo, a Visão Prev disponibiliza vários materiais informativos e ferramentas, via site:

  • Teste de perfil do investidor
  • Lâmina de informações essenciais
  • Boletim mensal de investimentos
  • Simuladores
  • Histórico de rentabilidades
  • Política de Investimentos
  • Informativo Mirante

A entidade também realiza palestras e encontros para explicação e esclarecimento de dúvidas, nos meses abertos à migração, além de Plantões de Dúvidas e atendimento pessoal.

No dia 31 de dezembro de 2018, os participantes do plano Visão Telefônica e Visão Multi estavam assim distribuídos pelos perfis:


Plano Visão Telefônica


Plano Visão Multi


A Política de Investimentos

Em 2018, a Política de Investimentos buscou otimizar e diversificar o portfólio das carteiras, com foco na relação risco e retorno, na proteção do capital e no balanceamento dos níveis de exposição dos perfis. As mudanças frente à Política de 2017 foram fundamentadas por estudos técnicos, analisadas pelo Comitê de Investimentos e aprovadas pelo Conselho Deliberativo. As principais alterações foram:

  • Adequação das alocações no segmento de renda fixa (IMA-B5 – títulos públicos, indexados ao IPCA, com vencimentos de até 5 anos; e IMA-B5+ – títulos públicos, indexados ao IPCA, com vencimentos superiores a 5 anos) para adaptar os intervalos entre os níveis de risco de mercado nos perfis Moderado e Agressivo;
  • Possibilidade de aplicação em investimentos no exterior com aumento da exposição em renda variável fora do país;
  • Maior participação no segmento de fundos multimercados que aplicam em múltiplas classes de ativos, para maior flexibilidade e diversificação dos riscos.

Rentabilidades

No dia 31 de dezembro de 2018, os investimentos em renda fixa e renda variável representavam 96,66% do total dos ativos da Visão Prev (veja, na tabela, a distribuição nos cinco segmentos). Ao longo do ano, a entidade seguiu sua estratégia de diversificação com participação também nos segmentos de fundos estruturados multimercados e investimentos no exterior, visando balancear a volatilidade e o risco. O portfólio da Visão Prev proporcionou rentabilidade consolidada de 10,33% em 2018, sendo que a renda fixa gerou resultado de 10,11%, enquanto o segmento de empréstimos a participantes trouxe retorno de 17,45%. A renda variável obteve performance no ano de 14,08%, enquanto o segmento de investimentos no exterior acumulou retorno de 8,52%. Por fim, os fundos multimercados rentabilizaram 1,78% – apesar de um ano com retorno baixo, esses ativos contribuem para a diversificação do portfólio com expectativa de retorno acima da taxa básica de juros no longo prazo.

 

Segmento Participação na carteira
Renda Fixa 87,59%
Renda Variável 9,07%
Empréstimos e Financiamentos 0,78%
Investimentos Estruturados 2,34%
Investimentos no Exterior 0,22%

 

Em relação aos perfis, na tabela abaixo, é possível acompanhar o retorno acumulado das cinco carteiras, seus benchmarks para cada segmento, o resultado acumulado pelos benchmarks, a comparação do desempenho dos perfis frente a seus benchmarks e frente ao CDI e, na última coluna, a volatilidade no período.

 

Perfis Retorno Renda Fixa Renda Variável*² Outros*³ Benchmark*4 % s/ Bench*5 % s/ CDI*6 Vol*7
Super Conservador 6,50%

100% CDI

De 95% a 100%

Empréstimos: 5,81% + IPCA

De 0% a 5%

6,45% 100,64% 101,14% 0,01%
Conservador 9,66%

90% IMA-B5, 10% CDI

De 95% a 100%

Empréstimos: 5,81% +IPCA

De 0% a 5%

9,41% 102,59% 150,32% 2,91%
Moderado 11,73%

65% IMA-B5, 25% IMA-B5+, 10% CDI

De 50% a 100%

50% IBRX, 50% IBOV

De 0% a 30%

Estruturados: 120% CDI
De 0% a 6,5%
Invest. Exterior: MSCI ACWI
De 0% a 6,5%
Empréstimos: 5,81% + IPCA
De 0% a 5%
12,04% 97,31% 182,65% 5,98%
Agressivo 12,69% 30% IMA-B5, 60% IMA-B5+, 10% CDI
De 32% a 90%
50% IBRX,
50% IBOV
De 10% a 40%
Estruturados: 120% CDI
De 0% a 8,5%
Invest. Exterior: MSCI ACWI
De 0% a 10,5%
Empréstimos: 5,81% + IPCA
De 0% a 5%
13,08% 96,94% 197,50% 8,19%
Agressivo RF LP 15,16% 95% IMA-B5+, 5% CDI
De 95% a 100%
Empréstimos: 5,81% + IPCA
De 0% a 5%
14,71% 103,05% 235,97% 7,42%

 
Os planos Telefônica BD e PreVisão, que não oferecem a opção de perfis de investimentos, também obtiveram boas rentabilidades acumuladas em relação a seus benchmarks:

 

Plano Retorno Benchmark % s/ Bench
Telefônica BD 8,79% 8,14% 108,07%
PreVisão 9,96% 9,81% 101,47%

*1 Renda Fixa: Investimentos que oferecem remuneração em condições e intervalos preestabelecidos. Podem ser títulos públicos ou privados, prefixados (o valor é previamente determinado) ou pós-fixados (somente a taxa é definida, não o valor final, exemplo: CDI + 5% ao ano). É importante ressaltar que, caso o investidor venda o título antes da data de seu vencimento, o valor da venda será determinado pelas condições de mercado (precificação a mercado).

*2 Renda Variável: Nesses ativos, a remuneração não é discriminada antecipadamente, podendo variar positiva ou negativamente de acordo com as condições de mercado. Entre os exemplos, estão as ações, commodities e os fundos de investimentos que aplicam recursos nesses títulos como os fundos de ações, fundos multimercados com renda variável e fundos setoriais.

*3 Outros: Demais tipos de ativos que podem compor as carteiras como empréstimos, fundos estruturados multimercados e investimentos no exterior.

*4 Benchmark: O benchmark é um índice de referência utilizado como parâmetro para avaliar o desempenho dos rendimentos (é um índice para comparação). Ele deve estar relacionado com o segmento do investimento e pode ser composto por diferentes índices.

*5 % s/ Bench: Mostra o retorno do investimento em relação ao seu benchmark; se o retorno for exatamente igual ao do seu benchmark, esse resultado apontará 100%; se o retorno for maior que o benchmark, o resultado será maior que 100%; da mesma forma, se o retorno for menor que o benchmark, o resultado será menor que 100%.

*6 % s/ CDI: Mostra o retorno do investimento em relação ao CDI.

*7 Vol: Volatilidade é uma medida estatística que indica a frequência e a intensidade das oscilações no preço dos ativos, em um determinado período.


rodape